segunda-feira, 4 de fevereiro de 2008

EVOLUÇÃO



O ser humano nasce
Em busca da evolução
Passando por vários estágios
Chegando a perfeição.

Cheio de muitos defeitos
Procura combatê-los
Os instintos transformando-os
Em sentimentos benfazejos.

A caminhada é difícil
Para o viajor sedento
Escalando as veredas íngremes
Do coração desalento.

Coragem, vontade e ação
São preciosas ferramentas
Para quem deseja chegar
Ao ápice do conhecimento.

Seguindo sempre adiante
Entre erros e acertos
Somente as experiências
Levarão ao crescimento.

Chegando ao topo do monte
O ser desperto vislumbra
O infinito à sua frente
A sua alma deslumbra.

Bauru, 03/02/08
Neneca Barbosa

Um comentário:

Mell Glitter disse...

Neneca,minha linda!
Que poema lindo sobre a evolução da humanidade!Assunto difícil para se por num poema,mas o fêz com perfeição.Amei!!Parabéns!!!