domingo, 1 de fevereiro de 2009

BELEZA DAS ROSAS



Entre espinhos nascem as rosas
Com belas pétalas cheirosas
Ornamentando a Natureza
Com seus enigmas de beleza.

Envolvem-me com seus perfumes
Acalentam os meus queixumes
Num grandioso balé de cores
Enamorando os beija-flores.

As rosas trazem alegria
Na singeleza da poesia
Envolvendo meu coração
Em verdadeira sedução.

Reverenciam o raiar do sol
Lume do céu como farol
Alimentam meu versejar
Com carícias a me beijar.

Neneca Barbosa
João Pessoa, 01/02/09

Um comentário:

Valter Montani disse...

Passei aqui também, adorei seu poema
se observar meu perfil e escritos verá que gosto muito de flores.
Parabéns!