sexta-feira, 27 de junho de 2008

LUZ NO FIM DO TÚNEL


Nos caminhos da jornada
Convivo com os meus medos
Minha alma fica angustiada
Ocultando meus segredos.

Não desisto, sigo adiante
Enfrentando os desafios
Na busca do sol brilhante
Preenchendo meus vazios.

Paciência, determinação
Na incansável travessia
Diviso com emoção
A luz da sabedoria.

No desabrochar da existência
Quando o amor se descortina
É o despertar da consciência
No encontro com a luz divina.


João Pessoa, 27/06/08
Neneca Barbosa

4 comentários:

Jane disse...

Lindo demais...encantador...quando o amor se descortina nasce um mundo de sonhos e flores....O maor é uma luz maravilhosa em nossa vida. Lindo seu cantinho de poesias...Parabéns amiga...bjus

Meus Riscos disse...

Amiga Neneca
Não poderia deixar de passar por aqui e agradecer toda a atenção recebida..seu blog...esta o máximo...Visite o meu pessoal..espero que goste.
Abraços Fraternos
Da Amiga
Graciela

Meus Riscos disse...

Amiga
Este TÚNEL ficou uma beleza..
Bjocas
Graciela

Rick Steindorfer disse...

Lindo o seu trabalho, vc tem talento... espero que prossiga, o mundo precisa disso.