terça-feira, 5 de julho de 2016

AMOR E SONHOS





O som calmo da chuva chega sussurrando
Palavras doces que suavizam meu coração
Incentiva-me para prosseguir sonhando
Por um mundo melhor, sem guerra, sem ilusão.

Quero caminhar acreditando no amor
Pegar uma estrela com a concha da mão
Sentir o seu brilho no meu interior
Deixar correr livre minha imaginação.

Quero saciar a sede com água cristalina
Que jorra da fonte como o néctar da flor
Sentir no meu corpo os pingos da neblina
Eximindo as mazelas oriundas da dor.

Nas notas do amor está a melodia do vento
Que oscula meu rosto em forma de poesia
Penetra no Ser como sutil alimento
Aconchegando minha alma com paz e alegria.

Ah, os sonhos! Estes dão sentido à vida
Levam-me também a recordar o passado
Dos momentos bons e da saudade sentida
Daqueles sonhos que não foram realizados.

Neneca Barbosa
João Pessoa, 05/07/2016

Nenhum comentário: